Com time misto, Gama goleia Ceilândia e é o novo líder do Candangão

08/02/2020

Mais um dia de chuva, mais uma chuva de gols. E dessa vez não podia ser melhor. O Gama visitou o Ceilândia na tarde deste sábado (08), às 15h30, no Estádio Abadião e voltou para casa triunfante. Em um jogo de chances bem aproveitadas, o alviverde não tomou conhecimento do Ceilândia e aplicou a maior goleada da história do confronto. Michel Platini duas vezes, Esquerdinha, Wallace, Júlio Lima e Andrei Alba desenharam a vitória de 6 x 0 do Gama sobre o adversário.

Com a goleada, o Gama chega a 12 pontos na tabela do Candangão e ultrapassa o Real Brasília, que tem a mesma quantidade de pontos, mas perde para o alviverde em saldo de gols. O Gama soma 16 gols positivos de saldo, contra 15 do Real Brasília.

O alviverde volta a campo pelo Candangão no próximo sábado (15), às 15h30, diante do Brasiliense, no Serejão. Antes, o Gama tem importante compromisso pela Copa do Brasil, na quarta-feira (12), às 20h30, diante do Brasil-RS, no Bezerrão.

Platini volta com tudo

Apenas dezoito minutos separaram o Gama do primeiro gol. Antes disso, o jogo estava frio como o tempo e apenas o Ceilândia havia chegado ao ataque, ainda que não tivesse levado qualquer perigo à defesa alviverde. Contudo, justamente com 18 minutos jogados, Esquerdinha fez um belo passe para Marcos Baiano. O lateral cruzou na área e Michel Platini subiu para marcar de cabeça.

Nove minutos mais tarde, David Souza recebeu bom passe na área e foi derrubado pela defesa alvinegra. Pênalti bem marcado e muito bem cobrado por Platini, que ampliou a vantagem e assinou sua volta aos gramados em grandíssimo estilo.

Esquerdinha, que havia tentado várias vezes em outras ocasiões, finalmente marcou o seu primeiro gol vestindo a camisa alviverde. Foi aos 30 minutos, após David Souza lançar o meia, que saiu de frente para o goleiro e o encobriu para marcar o terceiro e fechar a conta na etapa inicial: Gama 3 x 0.

Wallace, Júlio e Alba também desencantam

Esquerdinha e Platini não foram os únicos a desencantarem na temporada. No segundo tempo foi a vez de três outros atletas deixarem seus gols registrados. O primeiro deles veio com Wallace, aos 8’, que subiu mais alto do que todo mundo para aproveitar bola alçada por Paulo Henrique e marcar o quarto gol do Gama na partida.

Apenas um minuto mais tarde, Júlio Lima correu pela direita e invadiu a área. O atacante bateu muito bem na bola, cruzado, e ampliou a goleada para 5 x 0. Um golaço para inflamar a torcida alviverde, presente em excelente número no Abadião.

Mas a festa ainda não havia chegado ao fim. E quem fechou a tarde com chave de ouro foi Andrei Alba. Em mais um lance de penalidade máxima, Alba tirou o goleiro da foto e marcou o sexto e último gol da partida, fechando as contas no Abadião: Ceilândia 0 x 6 Gama.

O Gama alcançou a liderança com a goleada e, no alto de seus 12 pontos na competição, enfrentará o Brasiliense, fazendo o Clássico Verde e Amarelo, pela 5ª rodada do Candangão. A partida acontecerá às 15h30 do próximo sábado (15), no Estádio Serejão.

Antes, porém, o alviverde tem o compromisso mais importante do ano até aqui. Pela Copa do Brasil, o Gama entra em campo diante do Brasil-RS, às 20h30 da quarta-feira (12). À equipe só interessa a vitória já que, em casa de empate, a vaga fica nas mãos dos gaúchos.

CEILÂNDIA 0 x 6 GAMA

Campeonato Candango 2020 – 4ª Rodada
Estádio Abadião, Ceilândia-DF – 08/02/2020, 15h30
Arbitragem: Marcos Ferreira dos Santos, Marconi de Souza (Aux. 1) e Muller Aniceto (Aux. 2)
4º Árbitro: Maricleber Goés
Público e Renda: 546 presentes e R$10.920,00
 

CEILÂNDIA

Kekei; Bahia, Jonatan, Felipe e Mateus (Rogério); Jorda, Marcone (Halyver), Evandro (Cordeiro) e Bocão; Dito e Gabriel

Técnico: Paulo Roberto
Gols: Não marcou
Cartões: Felipe (amarelo)

 

GAMA

Rodrigo Calaça; Marcos Baiano, Wallace, Gustavo Rambo e Paulo Henrique (Peu); Andrei Alba, Tarta (Filipe Werley) e Esquerdinha; David Souza (David Silva), Júlio Lima e Michel Platini

Técnico: Vilson Tadei
Gols: Michel Platini (Aos 18’ e 27’ – 1ºT), Esquerdinha (Aos 30’ – 1ºT), Wallace (Aos 8’ – 2ºT), Júlio Lima (Aos 9’ – 2ºT) e Andrei Alba (21’ – 2ºT)
Cartões: Tarta (amarelo)

Por Departamento de Comunicação