CAMPEÃO: Gama empata e conquista Candangão invicto

20/04/2019

CAMPEÃO: Gama empata e conquista Candangão invicto

 

O Gama é duodecacampeão. Na tarde desse sábado (20), o alviverde empatou com o Brasiliense pela segunda partida da decisão e conquistou o Candangão pela décima segunda vez, a terceira invicta.

O jogo

O Gama, mesmo após ter vencido a primeira partida, não entrou para administrar a vantagem. Tanto que logo aos nove minutos, quase marcou. Mário Henrique cruzou rasteiro, pela esquerda, Gilsinho apareceu entre os defensores e completou de carrinho: a bola passou perto.

Precisando do resultado, o Brasiliense se lançou ao ataque e respondeu dois minutos depois, em bola alçada na área e que Calaça defendeu.

O alviverde, porém, começou a buscar mais o gol. O arquirrival, nervoso, abusava das faltas. Aos 19, o Gama enfim abriu o placar. Tarta avançou pelo meio, deixou os defensores para trás e arriscou um torpedo de fora da área, sem chances para o goleiro. Gama 1 a 0.

Precisando do resultado, o Brasiliense fez duas alterações ainda no primeiro tempo. O atacante Reinaldo, que entrou no lugar do volante Dudu, teve a melhor chance amarela, aos 31, quando perdeu debaixo da trave: Calaça salvou em cima da linha.

A resposta foi imediata. Quatro minutos depois, da direita, Gilsinho cruzou rasteiro e Nunes, de letra, por pouco não marcou um golaço.

Antes do intervalo, o alviverde levou perigo novamente. Aos 44, nova bola cruzada pela direita, Nunes apareceu para dividir com Lucio e o zagueiro amarelo quase marcou contra. Sucuri se desdobrou para tirar o desvio do companheiro de equipe.

No segundo tempo, o Gama seguiu em cima e marcou o segundo logo no começo. Aos 11, em jogada parecida a do primeiro gol, foi a vez do meia Gilsinho arranca pelo meio, deixar os marcadores para trás e bater forte no canto. Na saída de bola, porém, o Brasiliense voltou a diminuir. Gama 2 a 1.

O jogo ficou pegado, com ambas as equipes procurando o gol. Aos 15, Jefferson Maranhão teve uma grande chance, ao receber cara a cara com o goleiro, mas Sucuri salvou.

Aos 20, foi a vez de Tarta arriscar de fora da área e tirar tinta do travessão. Aos 33, veio o castigo. Maikon Leite empatou.

O Brasiliense seguiu pressionando em busca da virada, mas parou na boa atuação da defesa alviverde. Fim de jogo: Gama campeão.

 

O campeão do século

O Gama conquistou a taça do Candangão de 2019 com 14 vitórias e três empates: um aproveitamento de 88,3%. Neste século, nenhum clube candango conseguiu um aproveitamento maior que 80%. A campanha do Gama de 2019 entrou para a história como a quarta melhor de toda a história do Candangão.

 

O título invicto é o terceiro da história do Gama, que se junta ao Brasília como os clubes com mais títulos invictos na história do Candangão.

 

GAMA 2X2 BRASILIENSE - CANDANGÃO 2019 (FINAL - JOGO 2)

Data: 20/04/2019

Local: Estádio Mané Garrincha, Brasília (DF)

Árbitro: Sávio Sampaio

GAMA: Calaça; Felipe Tavares, Gustavo, Emerson e Mário Henrique (Cleidson); Wagner, Tarta e Gilsinho (Tiago Gaúcho); Nunes, Victor Xavier (Wisman) e Jefferson Maranhão. Técnico: Vilson Tadei

GOLS: Tarta (19'/1T) e Gilsinho (11'/2T) para o Gama; Michel Platini (12'/2T) e Maikon Leite (33'/2T) para o Brasiliense

 

Por Gabriel Caetano/Fértil Comunicação